Mais do que nunca, a nossa casa é o nosso templo, é nosso cantinho seguro no mundo. Mas, com o isolamento social frente à uma pandemia com proporções mundiais, é natural que diversos sentimentos conturbados também façam morada conosco

Ansiedade, medo e depressão por conta de incertezas, solidão e questões financeiras são alguns dos problemas comuns neste período de quarentena. Por isso, nesse momento é tão importante adaptarmos nosso dia a dia e inserirmos atividades que ajudem tanto a manter o corpo quanto a mente sãos.

Confira aqui 7 dicas fundamentais para manter a saúde física e mental durante a quarentena:

1 – Crie uma rotina agradável

Com home office, é comum que as atividades profissionais e pessoais acabem se misturando e que, no fim do dia, você fique com aquela sensação de que ˜não fez nada por inteiro˜. Quando se está trabalhando de casa, é essencial definir uma rotina agradável e produtiva. Tenha o horário de acordar, comer, relaxar, se entreter, se exercitar e também de trabalhar. Arrume um cantinho só pra isso para poder se concentrar e evitar a procrastinação.

2 – Alimente-se bem

Comer saudável é mais importante do que nunca! Reforce as refeições diárias com alimentos nutritivos que aumentem a imunidade e reduzam os efeitos das gripes. Confira aqui 5 alimentos potentes para combater as gripes. E para comer bem e com praticidade, aposte no delivery exclusivo da Família Tagliari e garanta uma alimentação prática, saudável e de qualidade no conforto e segurança do seu lar. Somos comprometidos em oferecer sempre o melhor para você, por isso estamos trabalhando com equipes de cozinha e de entrega exclusivas, extremamente preparadas e supervisionadas, no que diz respeito à higiene e cuidados especiais. Saiba mais e faça o seu pedido pelo WhatsApp (48) 99164 4691 ou (48) 3024 5759 e garanta as delícias Tagliari sem sair de casa!

3 – Faça exercícios físicos diários

Atividades físicas, além de serem essenciais para a saúde do nosso corpo e o bom funcionamento do organismo, também liberam a endorfina, hormônio que melhora o humor e a disposição para encarar o dia com mais otimismo e leveza. Aproveite as lives e os conteúdos de vídeo online, além de aplicativos desenvolvidos para esse tema, e reserve um tempinho para se mexer e deixar o baixo astral para trás.

4 – Durma bem

Descansar é preciso. E uma boa noite de sono é essencial para manter uma alta imunidade. Mas, lembre-se: é noite de sono. Com o isolamento em casa, é mais fácil trocar o dia pela noite. Porém manter um rotina para dormir é de suma importância para que você recupere suas energias por completo e seja mais produtivo/a no cotidiano. Tenha horário para dormir e acordar, e descanse em média 8 horas por dia.

5 – Conecte-se com amigos

Infelizmente, aquele abraço apertado num amigo ou familiar querido tem que ser adiado. Mas a internet está aí pra ajudar a encurtar um pouquinho essa distância e matar a saudade de quem amamos. As vídeo chamadas em grupo são uma ótima forma de se sentir um pouco mais próximo e sociável nessa quarentena. Marque com a galera e reúnam-se para botar o papo em dia. Ah, e as mensagens e ligações convencionais também são super válidas no dia a dia, viu? O importante é não se isolar emocionalmente de quem te faz bem.

6 – Evite informações em excesso

Em tempos de fake news e de pandemia mundial, é fundamental nos mantermos bem informados, mas com muita cautela. Apesar das coisas boas da internet, esse também é um ambiente perigoso para propagar a desinformação e prejudicar a saúde mental. É necessário saber dosar esse bombardeio de informações, para que isso não vire ansiedade e angústia. Mantenha-se sim informado,  mas não passe o dia inteiro imerso em notícias ruins. Tenha horários para isso,  confira se as fontes são confiáveis antes de acreditar nelas e/ou repassá-las, siga as recomendações oficiais da OMS e também procure por novidades positivas.

7 – Se necessário, peça ajuda

Para diversas pessoas, esse é um momento difícil tanto pela limitação do isolamento físico, mas também pela reclusão psíquica. Por isso, é muito importante que não se tenha receio em pedir ou oferecer ajuda. Se você conhece alguém ou faz parte do grupo de risco, busque ajuda na hora de fazer compras no mercado ou farmácia. Se você tem ou conhece alguém com tendência depressiva ou com crises de ansiedade, busque estar sempre em contato com pessoas queridas e também com profissionais da psicologia que podem ajudar remotamente, de forma online. 

Mesmo distantes, estamos juntos e vamos virar esse jogo da melhor maneira possível! Fique bem. Fique em casa. Fique com a gente! <3

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *