Com as temperaturas baixas, é natural que a gente dê preferência para pratos quentes, cremosos, e mais calóricos, que aumentem a reserva energética e aqueçam de dentro para fora. E consequentemente os pratos frios, como as saladas, vão ficando de lado, né? 

Mas, sabemos da importância do consumo diário de verduras, frutas e legumes para o bom funcionamento do nosso corpo e mente. Eles contêm vitaminas, fibras, minerais e muitos outros nutrientes fundamentais para nossa plena saúde, especialmente quando consumidos in natura, como é o caso das saladas. 

E foi pensando em unir o útil (e saudável) ao agradável, selecionamos as dicas certas para você tornar as suas saladas muito mais atrativas no inverno! 🥗 Confira:

1 – Mude o preparo de alimentos tradicionais

Nem todos os alimentos precisam ser completamente crus. Você pode aprimorar novas formas de preparar os alimentos tradicionais das suas saladas, como por exemplo, o tomate e a cenoura, assando os mesmos. Dessa forma, você traz uma nova textura à salada, além de deixá-la menos fria.

2 – Acrescente alimentos cozidos

É possível sim trocar ingredientes crus por cozidos, sem que eles percam propriedades nutricionais, como é o caso da berinjela, abobrinha, batata doce , brócolis, couve-flor, espinafre, cebola etc. Incremente o prato com essas alternativas e crie uma salada morna deliciosa.

3 – Incremente com outros grupos alimentares

Não tenha medo de misturar queijos, grãos, cogumelos, oleaginosas e proteínas animais à sua salada, pois é uma excelente forma de torná-la mais vigorosa para os dias mais frios. Só tome cuidado na quantidade desses alimentos, já que eles podem deixar a  salada menos leve e bem mais calórica. Então, use-os com moderação!

4 – Finalize com molhos especiais

Os molhos tornam a salada mais saborosa, temperada e também mais cremosa. E o melhor: existem diversas opções de molhos perfeitos para dar um up nessas suas receitas, como é o caso do molho pesto, de mostarda e mel, caesar, de iogurte,  rosé etc.

5 – Coma junto com acompanhamentos

Opte por completar o prato com guarnições e demais acompanhamentos para a salada. Dessa forma, a refeição se torna mais quente, sem que você deixe de lado os nutrientes que encontramos nas saladas frias! 

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *